O que visitar em Split: Roteiro para 3 dias de viagem.

o que visitar em Split

Neste artigo mostramos o que visitar em Split para 1, 2 e 3 dias de viagem. Split é a 2ª maior cidade da Croácia e tem vindo a atrair imensos turistas, principalmente durante os meses de Verão.

Split tem sido uma cidade muito procurada nos últimas anos, reunindo todas as condições para que tenhas umas férias agradáveis, combinando atividades de praia, aventura, cultura, história bem como alguma diversão.

Os principais pontos turísticos podem ser visitados num dia, mas acredito que a cidade merece mais tempo para ser explorada. Para além disso, é necessária a utilização de transportes públicos para a deslocação aeroporto-centro-aeroporto e para visitar as famosas praias de Split, o que pode fazer com que 1 dia de visita seja demasiado rápido.

 

O que visitar em Split – Centro Histórico

Ao longo dos anos, o centro histórico de Split foi palco de grandes eventos, atraindo imperadores e reis de todo o mundo. Apesar de estar um pouco degradado conseguimos perceber a sua tamanha beleza e riqueza a nível arquitetónico, cultural e histórico. Assim, é classificado como Património da Humanidade pela UNESCO desde 1979.

O centro histórico foi ainda cenário de grandes filmes e séries, destacando a série “Game of Thrones”. 

Palácio de Diocleciano

Quando ouvimos ou lemos a palavra palácio imaginamos, certamente, outro tipo de palácio. Mesmo assim, não se deixem enganar, o Palácio de Diocleciano é um dos pontos mais visitados na cidade. Foi construído no século IV para o imperador romano Diocleciano. 

Dentro das suas muralhas localiza-se o centro histórico bem como todos os principais pontos turísticos, restaurantes de grandes nomes e os melhores hotéis de todos os tempos. 

Para o palácio, não será preciso grandes apresentações, pois somos apologistas que imagens valem mais que mil palavras.

Bem próximo do palácio localizam-se outros monumentos de extrema importância, sendo eles: o Peristilo, a importante Catedral de São Domnio e a sua respetiva Torre Sineira, o Templo de Júpiter e os quatro portões de acesso ao palácio (ouro, prata, ferro e bronze).

O peristilo é basicamente uma praça de grandes dimensões, sendo rodeado por vários monumentos de caráter histórico e cultural. Certamente, irás regressar ao passado e ficar espantado com a belíssima arquitetura e design do peristilo bem como o que o rodeia.

Bem próxima desta praça encontra-se a Catedral de São Domnio e a Torre Sineira. Esta torre medieval vai levar-te até 57 metros de altura e maravilhar-te com uma fabulosa vista 360º sobre a cidade de Split. 

Particularmente, esta catedral católica é a mais antiga do mundo! Dedicada ao santo padroeiro da cidade de Split, Sveti Duje, o primeiro bispo da Dalmácia, que foi morto por Diocleciano. 

Todos os monumentos valem a pena serem explorados e visitados com calma. 

Os bilhetes são adquiridos presencialmente, numa loja situada na praça (Peristilo). Estes são combinados, ou seja, possuem vários “pacotes” com diferentes monumentos para visitar e, consequentemente, diferentes preços. 

Podes guiar-te pela imagem, sendo que os preços são relativos a Julho de 2021.

(50 kunas é, aproximadamente, 6,60€)

 

 

Retomando ainda ao Templo de Júpiter, este é dedicado ao deus da Roma antiga Júpiter. Está localizado na parte oeste do palácio.

Mesmo ao lado do templo situa-se uma das ruas mais estreitas do mundo. Nesta rua só passa uma pessoa de cada vez, sendo por isso chamada de “Deixe-me passar, por favor”. 

Recomendo ainda visitarem os vários mercados de Split, nomeadamente, o mercado verde. Além de possuir vários produtos como queijos, hortícolas e carnes, tem ainda várias bancas com artesanato e souvenirs que, seguramente, agradam e conquistam os turistas. 

Podes ainda visitar o mercado da Fruta e do Peixe. 

o que visitar em Split

Próximo do portão de Ouro, encontra-se a estátua de Grgur Ninski (Gregório de Nin) assinada pelo famoso escultor croata, Ivan Mestrovic. Diz a lenda que esfregar o dedão do pé esquerdo do gigante não só traz sorte como também que regressem à cidade. Assim, é considerado um dos símbolos de Split que, por sua vez, atrai igualmente muitos turistas. 

O que visitar em Split – Riva

 A maior parte da movimentação na cidade está concentrada na Riva, não é por acaso que designam a calçada como “o coração da cidade”. Os viajantes que por lá passam tendem a tirar algum tempo para apreciar a belíssima vista que tem para o mar e para toda a costa da Croácia. Além disso, possui inúmeros restaurantes, cafés e bares/discotecas, indo de encontro a todos os gostos, idades e carteiras (Sim, os restaurantes na Riva não são os mais económicos). A calçada possui ainda uma via com azulejos brancos e umas palmeiras incríveis. É sem dúvida um cenário ideal para umas boas fotografias.

Em Julho, quando visitei a cidade, a Riva possuía muita animação de rua, barraquinhas para comprar recordações ou até mesmo para reservar alguma atividade diferente por Split ou noutra ilha. Uma mais valia para os viajantes bem como para o turismo local.

O que visitar em Split – Praias

Split tem inúmeras praias que podes visitar e aproveitar para relaxar um pouco. No roteiro que montei para esta viagem, tentei fazer isso mesmo, no entanto, não visitei as melhores praias ou aquelas que são mais famosas. Assim, irei recomendar as praias que fui com base na minha experiência pessoal e, de seguida, encontras uma lista com algumas das melhores praias, segundo os locais.

DICA RÁPIDA: A maioria das praias em Split possuem pedras em vez de areia por isso, se és mais sensível ou não gostas de praias com pedras, certifica-te que metes um chinelos resistentes ou sapatos de água apropriados para o local.

– Praia Divulje: Não fica no centro de Split, mas sim próximo do aeroporto. Como era a minha 2ª visita a esta região, sabia que havia uma praia próxima do aeroporto e nada melhor do que sair do avião, caminhar 13 minutos (+/- 1,1km) e ir refrescar um pouco o corpo.

Possui um bar, alguns restaurantes locais com gastronomia variada e a preços incríveis e, o melhor de tudo, uma praia calma, com água azul cristalina e a uma temperatura de água perfeita para um momento de descontração e relaxamento.

– Praia Bene: Visitei esta praia por acaso, uma vez que saí na paragem errada do autocarro, mas já que lá estava aproveitei para dar um mergulho e conhecer um novo local.

A praia de Bene é uma das mais antigas de Split e, para acederes à mesma através dos transportes públicos, basta apanhares o autocarro número 12 no centro da cidade. Para sentires mais adrenalina, podes ainda alugar algumas equipamentos aquáticos como, por exemplo, uma canoa e explorar o mar que banha a praia. Existe ainda um bar da praia e um quiosque onde podes comprar comida e bebida. Pessoalmente, recomendo levares algum lanche/almoço mais leve. Além de ser económico, podes ir à água sempre que quiseres!

– Praia Kasjuni: A minha favorita e uma das mais conhecidas. Fica um pouco afastada do centro da cidade para te deslocares a pé, no entanto, existem transportes públicos que te levam até lá.

Esta praia está inserida no meio dos vales/montanhas e, por isso, o contacto com a natureza envolvente ainda torna o sítio mais mágico. é uma ótima opção para relaxares e sentires a natureza a teu redor. 

Possui uma grande extensão de areal, mas mesmo assim encontra-se cheia de turistas e locais nos finais de semana. Certifica-te que chegas cedo para puderes escolher o melhor lugar! Podes contar com uma água cristalina, calma e muito limpa.

Além disso, se tiveres oportunidade, leva um lanche e aproveita para ver o pôr do sol na praia. Uma experiência que nunca mais vais esquecer. 

Tal como mencionei em cima, existem outras praias mais próximas do centro e igualmente mais frequentadas pelos locais, assim a nossa sugestão é a Praia Bacvice. É a praia mais popular devido também à sua próxima com o centro da cidade e encontra-se de frente para muitos restaurantes e bares, propício para passar uns bons momentos.

 

Por fim, além das praias de Split, esta cidade é um ótimo ponto de ligação para os viajantes apanharem um barco e explorarem algumas das ilhas mais bonitas do Adriático como, por exemplo, HvarBrač, Vis e Korčula. Se pretendes fazer mais alguns dias de praia e se tiveres a possibilidade de acrescentar mais alguns dias ao teu roteiro d Split, sem dúvida que recomendo estas 3 ilhas.

Deves reservar estas atividades, de preferência, online uma vez que no verão e nas datas que pretendes, poderá não haver vaga devido à elevada procura.

O que visitar em Split – sugestão de Atividades/Tours ⬇️

Por último, temos ainda um artigo com as informações básicas sobre Split, nomeadamente, em relação ao alojamento, quantos dias deves ficar, entre outros pormenores importantes.

Podes ainda consultar outras informações úteis no website oficial da 2ª maior cidade da Croácia.

OPORTUNIDADES

Subscreve a newsletter e recebe um E-book gratuito com com mais de 20 páginas cheias de conteúdo. Desde dicas, truques e segredos para encontrar voos baratos!

SESSÃO ZERO

30 minutos de consultoria gratuita

CONSULTORIA DE VIAGEM

DESCONTOS
LINKS ÚTEIS

Artigos relacionados

Subscreve a newsletter e recebe um E-book gratuito com 8 dicas de fotografia para viagens apenas com o telemóvel.