São Miguel: Melhor destino Europeu para aventura em 2020 segundo os World Travel Awards.

São Miguel - Açores

Tranquilidade, Paz, Harmonia e Paisagens de tirar o fôlego de tanta beleza são as melhores palavras para descrever a ilha de São Miguel.

Informações úteis  

Documentos: Cartão de cidadão ou passaporte
Moeda: euro (€)
Fuso horário: GMT – 1 hora
Idiomas oficiais: Português

Em que altura ir?

Quando estive lá em Agosto estava imenso calor pelo que optámos por deixar de lado todas as “atividades de água quente” porque, como devem calcular, estar 30ºC e ainda ir para águas com temperaturas iguais ou superiores poderia não correr tão bem como o esperado. Assim, aproveitámos para mergulhar nas belíssimas cascatas e nas praias que a ilha tem para oferecer.

Por outro lado, quando visitei São Miguel no mês de Março o clima não estava propício para grandes atividades. Na maioria dos dias choveu imenso e estava sempre nublado, sendo que aproveitámos para explorar e relaxar nas atividades de águas termais. Por mais que chovesse ou que estivessem graus negativos, as águas estão a temperaturas bastante elevadas sendo que estas atividades poderão realizar-se na mesma e, na minha opinião, sabe bastante bem!!!

Posto isto, os meses de verão (entre Maio e Setembro) certamente que serão os mais vantajosos. No entanto e apesar de ser uma experiência completamente diferente, visitar a ilha de São Miguel nos restantes meses também não é uma má opção.

Quantos dias ficar?

A ilha apresenta dimensões médias, portanto por isso só já é difícil conciliar tudo de forma a visitar os principais pontos de interesse. Para acrescentar, a ilha possui ainda uma série de atividades para realizarem.

A meu ver, 3 dia completos chegam para conhecer os principais pontos turísticos de São Miguel. No entanto, para terem uma experiência mais completa recomendo, no mínimo, 5 dias completos.

Por exemplo, há lagoas que só são acessíveis através de trilhos que, na grande maioria, demoram cerca de 2h (ida e volta) ou até mais para fazê-los e chegar às respetivas lagoas.

Acrescento ainda que um roteiro bem estruturado e detalhado é a chave para o sucesso da viagem e que, só assim, irás conseguir tirar o maior proveito da tua viagem.

Por último, aconselho vivamente a não sobrecarregares demasiado o teu roteiro, pois cada local/ponto turístico tem a sua beleza e interesse pelo que recomendo um roteiro menos pesado e que tenhas uma experiência “mais próxima com a ilha.”. Não queiras fazer tudo a correr e apenas marcar com um certo os pontos visitados. Aproveita a viagem!! Experiência e sente cada momento! Sugiro que vejas o artigo em que publicámos 2 roteiros mais detalhados e os sítios imperdíveis de São Miguel.

Alojamento

Um dos aspetos principais da viagem é a escolha do alojamento e a sua respetiva localização. Penso que uma boa opção será ficares hospedado em Ponta Delgada que foi o que aconteceu no meu caso em ambas as viagens.

Com uma pesquisa simples e bastante rápida no booking ou no airbnb, consegues perceber que os preços não são muito elevados e que, neste aspeto, conseguem logo poupar um bom dinheiro.

Da 1ª vez que visitei a ilha fiquei, fiquei no “Change The World Hostels”. Um hostel local, com funcionários excelentes e bom ambiente. Se bem me lembro paguei 16€/noite com pequeno-almoço incluído. Para época alta, foi um preço de ouro e não me arrependo da escolha.

Na minha 2ª oportunidade de visitar São Miguel escolhi hospedar-me num Alojamento Local. A localização era bem no centro e possuía uma cozinha que facilitava as refeições e ajudava a combater os gastos. Em termos de preços, paguei 11€/por noite e por pessoa. Para o mês de Março penso que também foi uma escolha bastante assertiva e recomendo imenso.

Apenas tenho como ponto negativo o facto de não haver estacionamento gratuito nas proximidades pelo que ainda têm de andar um pouco a pé. No entanto, só se paga parquímetro até as 19h em dias úteis (se não estou em erro), sábado até à 13h e domingos e feriados é gratuito pelo que também não foi um grande problema.

Ambas as reservas foram feitas pelo Booking, mas o Airbnb tem preços igualmente fantásticos.

Voo

Na época alta (verão), os preços rondam acima dos 70€ e podem ir até 200€. Para conseguir encontrar um preço acessível é preciso bastante pesquisa e sabedoria, não vou mentir!!

Já nas restantes épocas, consegues encontrar voos MUITOOO acessíveis, desde os 20€ até 60€.

No meu caso em específico, quando visitei São Miguel em Março e Agosto paguei 40€ e 60€, respetivamente.

Lê também o artigo completo sobre as 8 regras essenciais para encontrar voos baratos.

NOTA: todos os preços de voo acima referidos são de ida e volta.

Transporte em São Miguel

Sem dúvida alguma que o carro é o transporte mais adequado e cómodo para realizarem a vossa viagem. Aliás, não conheço ninguém que o tenho feito de outra forma.

Quando estiveres a planear uma viagem para São Miguel tem em conta que precisas de ter carta de condução pelo menos há 1 ano (requisito obrigatório na maioria das rental cars).

Algumas agências pedem idade igual ou superior a 21 anos e experiência mínima de 3 anos de condução. No entanto, caso sejas menor de 21 e tenhas menos 3 anos de carta de condução, a maioria das agências deixa reservares um carro, mas pagando uma taxa extra denominada de “taxa jovem”. (Nunca te esqueças que podes ter menos de 21 anos de idade, mas nunca menos de 1 ano de carta de condução!!)

São Miguel - Açores

Em termos de preços, estes variam consoante a época. No Verão paguei cerca de 23€/dia enquanto que no inverno paguei 14€/dia. A diferença é muito pouca e ainda consegues encontrar preços mais baixos em ambas as épocas, pois quando reservei o carro, escolhi um seguro total (recomendo imenso!!). Ou seja, o preço que referi anteriormente inclui ainda o preço desta cobertura (+/- 3€ por dia).

A agência que escolhi da 1ª vez para reservar o carro foi a “Way 2 Azores”. Recomendo bastante não só pela acessibilidade e profissionalismo, mas também pela relação preço-qualidade. Para os jovens é ainda melhor pois não cobram a “taxa jovem” que referi anteriormente. Apenas têm como requisito obrigatório o condutor possuir, pelo menos, 1 ano de experiência.

Para além desta agência, existe ainda outra opção que é a rentcars. Esta é, sem dúvida alguma, a MELHOR empresa de aluguer de carros e que apresenta também os melhores preços. Estes preços tão acessíveis só são possíveis uma vez que esta empresa agrega várias outras empresas de aluguer de carros, mostrando assim uma variedade imensa tanto de carros como de preços. Quando viajei pela 2ª vez à ilha, reservei um carro por 7€/dia, imperdível!

Sítios e Atividades Imperdíveis

  • Caldeira Velha;
  • Chá Gorreana e Chá Porto Formoso;
  • Lagoa do Fogo;
  • Lagoa das Sete Cidades;
  • Parque Terra Nostra;
  • Poça da Dona Beija;
  • Lagoa e Caldeira das Furnas.

NOTA: Os pontos turísticos de interesse que recomendamos são com base na nossa experiência e para uma 1ª viagem à ilha. Possivelmente são os pontos mais comuns e “banais” da ilha de São Miguel, mas não deixes de os visitar por possuírem esta conotação.

Obviamente que outras pessoas recomendarão ou excluirão alguns destes pontos, pois depende da experiência de cada viajante na ilha.

Podes ainda consultar o roteiro mais detalhado para 3 ou 5 dias em São Miguel.

Resumindo:

É uma viagem que toda a gente deveria fazer. De forma geral, é económica, prática e lúdica. 

Sem dúvida que irás ficar deslumbrado e fascinado. Existe uma grande variedade de atividades para fazeres pelo que, certamente, terás de voltar a esta magnífica ilha.

Recomendo leres também o artigo onde falo das restrições e condições de viagem para os Açores!

Até breve e boas viagens!

OPORTUNIDADES

Subscreve a newsletter e recebe um E-book gratuito com com mais de 20 páginas cheias de conteúdo. Desde dicas, truques e segredos para encontrar voos baratos!

SESSÃO ZERO

30 minutos de consultoria gratuita

CONSULTORIA DE VIAGEM

DESCONTOS
LINKS ÚTEIS

Artigos relacionados

Subscreve a newsletter e recebe um E-book gratuito com 8 dicas de fotografia para viagens apenas com o telemóvel.